29 agosto 2012

Spider Man ou apenas Andrew Garfield?

Olá pessoal!

Como vão?

Bom, essa semana na escola minha professora de português veio com uma proposta para nós, alunos: formar grupos, duplas, ou individualmente mesmo, e fazer uma resenha de um livro, filme, CD, peça de teatro... Qualquer coisa que quiséssemos criticar, positiva ou negativamente. Eu escolhi fazer uma resenha do DVD Party at The Palace com mais duas amigas.

Para quem não sabe, o Party at the Palace foi um show que vários artistas fizeram em 2002 para a rainha por seus 50 anos no trono.

Bom, eu gostei da ideia de fazer uma resenha, e fiz uma do novo filme do Homem Aranha. E sim, sei que com essa resenha eu provavelmente não vou ter mais vida amanhã porque muitas e muitas meninas que amam o Andrew (sim, o ANDREW, não o personagem do Homem Aranha em si) vão atirar pedras, lançar foguetes, bolas de papel, cuspe, facas e qualquer outra coisa que acharem pela frente só porque eu vou criticar o filme.



Bom, para começo de conversa, ainda não domino o jeito de fazer resenhas, então pode ser que isso pareça mais um artigo de opinião né.

Em 2002, foi lançado o primeiro filme do Homem Aranha, que contava a historia de Peter Parker (Tobey Maguire), um nerd comum que sofria bullying e trabalhava como fotógrafo para o jornal da escola. Como em toda boa história, ele era apaixonado por uma garota que nunca, em hipótese alguma, namoraria ou até mesmo falaria com ele, Mary Jane (Kristen Dunst).

Um dia, porém, Peter vai para um passeio da escola e acaba sendo picado por uma aranha geneticamente modificada, que deu a ele poderes como lançar teias, escalar paredes, ter reflexos rápidos, e tudo mais. Ele então decide que quer ajudar o povo de sua cidade e encontra um inimigo no caminho: o Duende Verde (Willem Dafoe), que tem como objetivo principal dominar a cidade e atrapalhar todos os planos do Homem Aranha.

Bom, a história do Homem Aranha de 2012 é bem parecida: Peter Parker (Andrew Garfield) é um nerd, apaixonado por... Gwen Stacy (Emma Stone)? E seu inimigo é o Lagarto (Rhys Ifans).

Porém, aqui estão os "podres" dos dois filmes: o filme de 2002, com Tobey Miguire, não segue exatamente o que os quadrinhos ditam, enquanto o Peter Parker do filme de 2012 não é o Peter Parker dos quadrinhos. Peter, nos quadrinhos, era retratado como um nerd, um excluído na escola, e não um hipster com uma bunda perfeita.

Pessoalmente, minha preferência é pelo filme de 2002. Pode não seguir a história exatamente como nos quadrinhos, mas eu simplesmente achei o Peter Parker de 2012 legal demais para ser o Peter Parker. Nada contra o Andrew Garfield, ele é lindo e tudo mais, mas para tudo: uma coisa é ser lindo, outra coisa é ser o Peter Parker.

Tobey Miguire conseguiu interpretar Parker como ninguém conseguiria. E ele não é bonito como o Andrew, mas seu charme ganha em muitos aspectos, sem contar que, no filme de 2002 aparecem um dos baijos mais famosos de toda a história dos filmes, o de Aranha – vulgo Peter – com Mary Jane.

No final, isso vira uma briga de "Qual o melhor ator?". Mas você, pessoa que recentemente começou a gostar do Homem Aranha: foi pela história ou pelo ator?

Obs.: Que comece o bombardeio assim que eu pisar para fora de casa.

Um comentário :

  1. Minha bunda e mais bonita q a dele!! ti mostro un dia

    ResponderExcluir
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...